fbpx
el presidente

Série El Presidente coloca corrupção da FIFA nas telas da Amazon


Para quem recorda o escândalo envolvendo a FIFA em 2015, chamado “FifaGate”, e é assinante da rede da Amazon Prime Video será possível acompanhar a nova série “El Presidente”, que gira em torno do esquema de corrupção milionária da Federação Internacional de Futebol.

A série conta, do ponto de vista de Julio Grondona, que foi o presidente da Associação de Futebol Argentino até o ano de sua morte em 2014 (representado pelo ator argentino Luis Margani), a subida de vida do cartola chileno Sergio Jadue (atuado pelo protagonista da Série “Escobar”, Andrés Medina).

Grondona conta como ao longo da história do futebol moderno, ele e outras autoridades do futebol ganharam milhões de dólares. Nesta história internacional, Jadue é personagem secundário, mas acaba se envolvendo num esquema parecido a nível Sul Americano. E este é o foco da série Chilena.

Cenário e elenco de El Presidente

Dos mesmos produtores da série “Narcos”, “El Presidente” possui oito episódios de 1 hora cada e é conteúdo exclusivo da Amazon Prime Video. A série tem como cenários as cidades de Santiago no Chile, a capital Buenos Aires e Nova York nos Estados Unidos.

Amazon Prime: frete grátis, livros e séries por R$ 9,90 mensais

Dirigida por Armando Bó, Oscar em 2014, a série tem o elenco composto pela mexicana Carla Souza, que na série é a agente do FBI “Rosário”; a atriz Paulina Gaitán que é Maria Inés, mulher de Jadue e Alejandro Trejo que representa o ex-presidente da CBF, José Maria Marin.

FIFAgate

O FBI em 2011, abriu investigações contra os comandantes da Federação Internacional do Futebol em todo o mundo, sob a acusação de pagamentos de subornos milionários para a detenção exclusiva de transmissões de partidas de futebol nos Estados Unidos e em alguns países da América Latina.

As investigações tomaram maior força quando o Ministério Público da Suíça, abriu uma investigação por suspeitas de corrupção nas eleições das sedes da Copa do Mundo de 2018 e 2022.

O inquérito operado pela FBI com a polícia suíça, envolveu nomes conhecidos pelos brasileiros como José Teixeira e Marco Polo Del Nero. Porque esta investigação chegou até a América do Sul?

As investigações também incluíram a CONMEBOL sob suspeita de dar exclusividade a algumas emissoras de televisão para a transmissão de jogos da Copa América.

Os valores no continente americano somam $150 milhões de dólares, sendo cerca de $110 milhões, relacionados ao pagamento de direitos de transmissão da Copa América.

Sérgio Jadeu

Sergio Elías Cortés Jadue, foi presidente da Associação Nacional de Futebol Profissional do Chile (ANFP) e vice-presidente da CONMEBOL.

Ele foi eleito para a presidência do Futebol Chileno em 2011. Em 2015, sob seu mandato a FIFA encomendou ao Chile a Sede da Copa do Mundo Sub-17. Sob as investigações do FBI, foi descoberto que Jadue havia recebido da FIFA cerca de $1,5 milhões de dólares. E para dar seguimento às investigações e não incorrer em maiores problemas para si, Jadue mudou-se para os Estados Unidos e admitiu o envolvimento na fraude milionária do Futebol.

Uma sátira do futebol máfia

Foi o que disse Armando Bó em entrevista à “Los Angeles Times”, no dia da estreia da série. O diretor de “El Presidente” explica que a vida de Sergio Jadue foi uma “tragicomédia”, que começou quando foi de “administrador de um pequeno clube de futebol chileno foi para a FIFA e CONMEBOL e no topo do sucesso profissional ficou sob a maior pressão do FBI”.

Para o diretor, a série foi uma denúncia com gosto de sátira, onde é possível rir da Federação Internacional do Futebol como organização sem fins lucrativos e livre para negócio, e, após 30 anos, toda a rede de suborno, lavagem de dinheiro e outros crimes fica descoberta.

A série que falar sobre os “negócios por trás do futebol, não sobre o futebol em si mesmo”, diz o diretor.

Essa ideia já pode ser notada desde o trailer da série, que está disponível no site da Amazon Prime Vídeo, onde se encontra a narração: “Na vida como no futebol, as pessoas acham que sabem o que é (futebol), mas muitos se enganam”.